quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Da possibilidade de recomeçar

Hoje é dia de despedida!
Lá se foi 2014.
É dia também de recomeço.
Ouço tantas pessoas dizendo que a virada de ano é um dia comum pra elas. 
Aprendi a enxergar com outros olhos essa data.
Eu acho um dia muito especial. Toda chance de recomeçar deve ser especial. 
Zerar um ano pode ser a chance de recomeçar muitas coisas, pode ser a chance de dar o primeiro passo de novo, de novo e de novo.
Enxergar a virada do ano com os olhos da gratidão já é um bom "começo para começar"... é simples, se não conseguir pensar em nada especial para agradecer, celebre a vida! Vc está respirando!!!
Pode ser o ponto de partida para aquele projeto, aquele sonho, aquele desejo acender quentinho de novo no nosso coração.
Zerar um ano pode ser o renascimento das expectativas!
Pode ser a espera de alguém que vai chegar pra nossas vidas, para alguns... um filho, para outros... um amor.
Pode ser um novo ano, aqueles que queremos nos empenhar mais para sair da mesmice, pra quem sabe, conseguir um trabalho novo.
Pode ser um ano para vivermos experiências transformadoras;
Pode ser o ano em que encontraremos novas amizades duradouras;
Pode ser o ano que a gente se respeite mais, que amemos mais o próximo, aquele próximo que talvez mora debaixo do mesmo teto que você;
Pode ser o ano de perdoar, de se libertar de um veneno chamado rancor... esse veneno envelhece o espírito, apaga o sorriso sincero, cega os olhos do amor;
2015 pode ser o casamento de alguém que amamos tanto e que desejamos tanta alegria que nem cabe no peito! Thiago e Mariana, esse ano é de vcs! Tá chegando, meus queridos!!!
Quem sabe 2015 nos traga mais fé na justiça, menos medo de sair de casa.
Nos traga mais viagens, menos peso de consciência por comer chocolates;
Que nos traga mais alegrias explosivas, mais gargalhadas, mais tempo com a família;
Que nos traga mais livros inesquecíveis para ler, mais motivos para elogiarmos alguém...

Gosto desse dia, conseguir tempo para vir aqui deixar essas palavras, em meio aos preparativos da ceia, aos cuidados com as crianças e com minha própria aparência,  pra mim já valeu muito.
Desejo um bom recomeço para todos nós... em especial: meu marido que amo, meus familiares, meus amigos!

Deixo as palavras de Mario Quintana para refletirmos sobre a esperança... é possível ela nascer de novo, de novo e de novo, como uma criança!

Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenes
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E
— ó delicioso vôo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança...
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA...






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...